Entre em contato conosco

Bioconcreto: o material que fecha as próprias rachaduras

  • Bioconcreto: o material que fecha as próprias rachaduras

Bioconcreto: o material que fecha as próprias rachaduras

21 setembro, 2016
Por : Instituto IDD
Comentários : 0

Mais uma nova tecnologia saindo do forno. Saiba os segredos da produção do bioconcreto que se regenera.


O corpo humano curando suas próprias feridas. Essa seria a comparação feita para entendermos como funciona a tecnologia criada por pesquisadores da Universidade Técnica de Delft, na Holanda. O material chamado de bioconcreto é considerado uma matéria literalmente viva e capaz de regenerar construções desgastadas. O segredo? Bactérias.

Super poder: Ativar!

Ao receber o prêmio de melhor inventor europeu de 2015, o cientista holandês Henk Jonkers colocou que a sua criação foi inspirada na natureza. Mais que isso, o bioconcreto é produzido a partir da natureza, com a mistura do concreto tradicional à colônias da bactéria Bacillus pseudofirmus ? habitante de ambientes já bastante hostis, como crateras de vulcões ativos.

À mistura acrescenta-se lactato de cálcio, que é alimento para as bactérias. Quando surgem fissuras nos edifícios construídos de bioconcreto, as bactérias que os habitam ficam expostas aos elementos físicos, e principalmente a água. É a umidade que penetra nas fissuras que "acorda" os microorganismos. Consumindo o lactato de cálcio, eles produzem como produto final da digestão, calcário. E é o calcário que repara as rachaduras no bioconcreto em apenas três semanas. Um ponto extra para as bactérias? Elas podem sobreviver por mais de 200 anos nos edifícios.

Inovação X Custo

O material pode reparar rachaduras com extensão de centímetros ou quilômetros, entretanto para o tamanho da rachadura em si, há um limite: a fissura não pode ter largura maior que 8 milímetros.

Sendo mais caro que o concreto tradicional, ainda assim, o bioconcreto pode economizar nos custos de manutenção de estruturas. Segundo a HealCon, organização que promoverá o uso do novo material, só na Europa são gastos anualmente US $ 6,8 bilhões (mais de R$ 22 bilhões) no reparo de edifícios. O bioconcreto contribuiria principalmente para esse aspecto do mercado. Henk Jonkers ainda afirma que o material já foi utilizado com eficiência na construção de canais de irrigação no Equador, país que possui uma alta taxa de abalos sísmicos.

Mas o material também promete eficiência em casos estruturais menores, sendo que a Universidade de Delft desenvolveu também um spray com os mesmos princípios para a aplicação direta sobre pequenas rachaduras.

A maior dificuldade é que o custo do produto pode levar o valor dos grandes projetos também às alturas. Segundo o jornal The Guardian, enquanto o metro cúbico de concreto tradicional custa entre US$ 80 (R$ 260), o novo material passaria dos US$ 110 (R$ 360). Para ser bem sucedido, o bioconcreto precisa agora, se adaptar a natureza do mercado.

Quer se tornar especialista nas melhores alternativas para as construções? O Instituto IDD oferece entre vários cursos de pós-graduação, o curso de Sistemas Estruturais em Concreto. Com informações de boas práticas, normas atualizadas e requisitos de profissionais especialistas, o curso oferece um aperfeiçoamento nos sistemas in loco, pré-fabricado, alvenaria estrutural, fundações e reforço estrutural. Venha viver essa experiência com a gente! Conheça mais sobre o curso, planeje o futuro da sua carreira e o crescimento da sua área.

Achou relevante essa informaçãoCompartilhe com seus amigos e deixe a sua opinião nos comentários!

Nos acompanhe também pelas redesFacebook, Linkedin e Instagram. 


Fonte: crescernaengenharia

Imagens: laguaridageek.blogspot | propriedadesdoconcreto.blogspot

EXPANDA SEU CONHECIMENTO
RECOMENDADO PARA VOCÊ
Deixe seu comentário
  1. Seja o primeiro a comentar.
IDD NEWS
29 de março de 2017
Engenharia Civil
Por: Instituto IDD

5 motivos para se usar o Pavimento Rígido, principalmente em corredores de ônibus!

Eles têm a ver com durabilidade, desempenho e manutenção, bons motivos para você entender por que o pavimento rígido de concreto é uma alternativa adequada para(...)

24 de março de 2017
Eventos e Oportunidades
Por: Instituto IDD

As melhores vantagens de se usar o novo aplicativo Tendon

Seus problemas com cálculos de estruturas protendidas acabaram! Conheça o aplicativo Tendon! No dia 08 de março a Engenharia Civil recebeu outra grande criação (...)

22 de março de 2017
Engenharia Civil
Por: Instituto IDD

Manual básico: Aprenda a usar gabiões

Eles são uma das soluções mais antigas para contenção do solo e dão uma aula quando o assunto é eficiência. Pode ser uma técnica anti(...)

20 de março de 2017
Engenharia Civil
Por: Instituto IDD

Por que ter uma certificação Black Belt?

Entenda o que uma certificação desta pode fazer por você no mundo empresarial! Ao procurar por uma especialização ou pós-graduação, o dif&ia(...)

15 de março de 2017
Engenharia Civil
Por: Instituto IDD

12 passos mágicos para planejar um projeto super eficiente!

Entenda o passo a passo de fazer um planejamento de qualidade para o crescimento da sua empresa. Você se planeja? A maioria dos profissionais sim, mas quando se fala em controlar o planejam(...)

13 de março de 2017
Engenharia Civil
Por: Instituto IDD

Projeto Crescer: novos investimentos e empregos em 2017

Conheça mais das oportunidades do Projeto do Programa de Parceria de Investimentos (PPI), que vem remodelar o modelo de concessões e mexer com a economia brasileira. No fim do ano p(...)