Entre em contato conosco

Manual de inspeção predial para iniciantes

  • Manual de inspeção predial para iniciantes

Manual de inspeção predial para iniciantes

03 novembro, 2016
Por : Instituto IDD
Comentários : 0

Tudo o que você precisa saber para iniciar na área!

 

Pode-se dizer que a inspeção predial é um check-up "médico" de uma edificação. E em casos de avaliações mais detalhadas, assim como na medicina, o "clínico geral" deverá recomendar consultas com especialistas.

Um laudo de inspeção predial é a ferramenta do síndico, gestor ou proprietário para o cumprimento da manutenção predial. E a produção de um laudo eficiente precisa do trabalho de um profissional especialista e uma metodologia técnica que segue as etapas para a produção de um laudo com fotografias:

1. Anamnese da edificação - Identificação das características construtivas, idade, histórico de manutenção, intervenções, reformas e alterações de uso durante a vida útil;

2. Verificação e análise da documentação requisitada pelo inspetor para realização do trabalho;

3. Vistoria da edificação, considerando a complexidade das instalações existentes;

4. Classificação das anomalias e falhas de manutenção, uso e operação constatadas, e das não conformidades com a documentação analisada;

5. Classificação da prioridade das anomalias e falhas;

6. Recomendações técnicas para cada anomalia e falha de manutenção, uso e operação constatadas;

7. Avaliação da manutenção, conforme itens da ABNT NBR 5674;

8. Avaliação do uso;

9. Redação e emissão de laudo.

O trabalho deve ser planejado de acordo com o tipo da edificação, suas características construtivas, idade e qualidade da documentação entregue ao inspetor.

 

As falhas mais comuns constatadas geralmente estão relacionadas à falta de conhecimento técnico de proprietários, síndicos e gestores, o que impede que as atividades preventivas e corretivas sejam eficientemente executadas. Observam-se:

Deficiência de atividade de reaperto e limpeza de quadros elétricos;

Infiltrações de água em revestimentos e outros sistemas construtivos - falta de substituição de mastique, selantes e outras vedações em juntas, rufos, etc.;

Falha na execução de manutenções dos para-raios - hastes soltas, cabos interrompidos, partes metálicas de cobertura sem interligação com o sistema, etc.

Deficiências nas execuções das atividades de pinturas em geral - fachadas, tubulações e superfícies metálicas.

De forma geral, o que se percebe é a ausência de plano de manutenção e um não atendimento a ABNT NBR 5674. Por isso a necessidade de um trabalho de inspeção predial feito por especialistas, um trabalho que pode englobar tanto arquitetos como engenheiros civis, respondendo pelos sistemas relacionados às suas habilitações. Para inspeções em instalações elétricas ou mecânicas, deve-se compor é claro, uma equipe multidisciplinar com engenheiros eletricistas e mecânicos.

 

Inspeção a cada cinco anos

No que rege o trabalho de inspeção predial, um conhecimento necessário ao profissional é acompanhar as normas e leis sobre a área.

No final de 2012 por exemplo, a Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 3370/12, que incita todos os edifícios a passar por inspeção do estado geral de solidez e funcionalidade a cada cinco anos. Para prédios com mais de 20 anos, esse intervalo cai para três anos.

Segundo o Projeto, condições de segurança contra incêndio e do sistema de elevadores deverão ser avaliadas anualmente. E em caso de irregularidade, os edifícios têm até 90 dias após o recebimento do laudo para corrigi-las. Para unidades individuais em prédios de uso coletivo - em casos de reformas que acarretem modificações estruturais - o proprietário precisa oferecer ao condomínio, laudo de responsabilidade técnica. E uma última atenção é dada às unidades habitacionais de até dois andares, que ficam dispensadas de cumprir as exigências do texto.

Mais informações sobre o andamento desse e outros Projetos, você vê aqui.

E mais informações sobre as especializações que o IDD oferece para você nas áreas, você confere nas páginas dos cursos de pós-graduação em Patologia nas Obras Civis e Engenharia de Avaliações e Perícias! Vem com a gente!

Achou relevante essa informaçãoCompartilhe com seus amigos e deixe a sua opinião nos comentários!

Nos acompanhe também pelas redesFacebookLinkedinInstagram e Twitter

 

Fonte: techne.pini

EXPANDA SEU CONHECIMENTO
RECOMENDADO PARA VOCÊ
  • 22 de março de 2017
    Engenharia Civil
    Por: Instituto IDD

    Manual básico: Aprenda a usar gabiões

    Eles são uma das soluções mais antigas para contenção do solo e dão uma aula quando o assunto é eficiência. Pode ser uma técnica anti(...)

  • 06 de fevereiro de 2017
    Engenharia Civil
    Por: Instituto IDD

    Protensão: Manual inicial para trabalhar com cordoalhas engraxadas

    Entenda todas as etapas e cuidados do trabalho com cordoalhas engraxadas na execução de estruturas de concreto protendido.Imagem retirada do site Lorenzini ProtensãoPresente h&aac(...)

  • 16 de janeiro de 2017
    Engenharia Civil
    Por: Instituto IDD

    Patologia: Manual básico para entender sobre infiltrações

    Como ocorrem as manifestações patológicas tratadas como infiltrações?Na construção civil o termo “patologia” refere-se ao estudo dos danos (...)

  • 23 de novembro de 2016
    Engenharia Civil
    Por: Instituto IDD

    O Manual do Proprietário tem utilidade?

    Tem sim, e muita! Saiba por que produzir e orientar que seus clientes tirem o Manual do Proprietário da estante empoeirada! O Manual do Proprietário pode ser considerado um ó(...)

  • 31 de outubro de 2016
    Eventos e Oportunidades
    Por: Instituto IDD

    Manual: Como fazer avaliação de imóveis

    Tire suas principais dúvidas e entenda de uma vez como atuar na área de avaliação da Engenharia! Análise de documentação, técnica de vistor(...)

  • 13 de setembro de 2016
    Engenharia Civil
    Por: Instituto IDD

    Manual de Impermeabilizantes para iniciantes

    Venha conferir por que utilizar os sistemas de impermeabilização e como escolher entre os rígidos e os flexíveis.

Deixe seu comentário
  1. Seja o primeiro a comentar.
IDD NEWS
19 de abril de 2017
Eventos e Oportunidades
Por: Instituto IDD

5 motivos para nunca parar de estudar sobre construção

Um estudo constante é o que vai te diferenciar frente a todo o mercado da construção. Saiba o por quê. Primeiro: é de conhecimento geral que a quantidade de normas técnicas brasileiras (NBR) da(...)

13 de abril de 2017
Engenharia Civil
Por: Instituto IDD

Tudo sobre industrialização e pré-fabricação na construção civil - Parte III (Final)

Vem saber tudo sobre o assunto com a terceira parte do conteúdo do Professor e Engenheiro Marcus Sterzi, para o IDD News.Ao longo dos próximos meses estarei apresentando assuntos relacio(...)

12 de abril de 2017
Engenharia Civil
Por: Instituto IDD

Sistema de protensão: Todos os fatos que você precisa saber

Conheça os princípios básicos do sistema de protensão e domine o campo das estruturas protendidas! “Esforços compressivos induzidos pelas cordoalhas de a&(...)

06 de abril de 2017
Engenharia Civil
Por: Instituto IDD

Por que amamos as vantagens do concreto permeável (e você também deveria)

Ganhando uma abrangência maior, o material também ganhou novas possibilidades de atuação. O concreto permeável já não é um produto novo do m(...)

05 de abril de 2017
Engenharia Civil
Por: Instituto IDD

Como explicar Retração do Concreto para sua mãe!

Sua visão sobre retração plástica nunca mais será a mesma depois dessa explicação.Para quem trabalha na área de patologia, ou ainda quer atuar, (...)

30 de março de 2017
Engenharia Civil
Por: Instituto IDD

5 motivos para planejar obras com o BIM

Se você ainda tem algum pré-conceito contra a nova tecnologia, é melhor dar uma olhada nisso.Um planejamento de obra tem como seu principal elemento o orçamento ligado ao pr(...)