Entre em contato conosco

Viaduto de Millau, a ponte estaiada que é alucinante!

  • Viaduto de Millau, a ponte estaiada que é alucinante!

Viaduto de Millau, a ponte estaiada que é alucinante!

06 julho, 2016
Por : Instituto IDD
Comentários : 0

Que tal passear por uma das pontes suspensas mais altas do mundo?

 

Tem coisas que só se vê na área da Engenharia. E construções como o Viaduto de Millau, no sudoeste da França, são exemplos de obras fantásticas que nos fazem mesmo, suspirar. Com torres que alcançam 343 metros, a ponte chegou a ter o título de mais alta ponte estaiada do mundo, só perdendo o recorde recentemente, para a ponte Baluarte no México, com seus 403 metros de altura.

O viaduto de Millau, sobre o rio Tarn é hoje o caminho mais curto (e rápido) entre Clermont-Ferraud e Beziers, passando pela cidade de Millau, no sul da França. O que muitos não sabem é que antes do viaduto, uma viagem por esse trecho não era considerada muito animadora. Como todos os carros precisavam contornar por uma única estrada que descia pelo vale do rio Tarn, além do caminho tortuoso, o trânsito pesado era constante.

Foi aí que em 1987 surgiram os primeiros projetos para a construção do viaduto. Ele não foi a única ideia apresentada, mas, por incrível que pareça, foi considerada a mais prática e viável. O projeto de Norman Foster e Michel Virlogeux, arquiteto e engenheiro, foi aprovado em 1996 e a construção desenvolvida de 2001 a 2004.

É claro que o trabalho de construção não foi um mar de rosas, todo o processo desafiou os profissionais, tanto pelas características da estrutura, como pela velocidade dos ventos na região. Entre as estratégias diferenciais do processo, o destaque ficou para o fato de o viaduto ter sido construído junto com os pilares em terra, e só depois ser “deslizado” para cima da estrutura.

Em tempo recorde a construção, iniciada em outubro de 2001, teve todo o trabalho em concreto finalizado em pouco mais de dois anos, um crescimento estimado de 4 metros a cada 3 dias.

Com 36.000 toneladas, mais 700 toneladas em cada um dos pilares, a estrutura finalizada se apresentou mais alta que a Torre Eiffel, com seus 300 metros de altura. O esperado é que a ponte tenha uma vida bela e saudável de aproximados 120 anos. 

Com quase 2,5 km de extensão, o custo estimado de construção é de 400 milhões de euros. Curioso para ver esse viaduto de perto? Até que sua viagem para o sul da França esteja em fase de planejamento, é possível ter uma ideia sobre essa construção insana aqui:

Achou relevante essa informaçãoCompartilhe com seus amigos e deixe a sua opinião nos comentários!

Nos acompanhe também pelas redesFacebookLinkedinInstagram e Twitter.

 

Fontes: 

blogdaengenharia

tecmundo

EXPANDA SEU CONHECIMENTO
RECOMENDADO PARA VOCÊ
Deixe seu comentário
  1. Seja o primeiro a comentar.
IDD NEWS
19 de abril de 2017
Eventos e Oportunidades
Por: Instituto IDD

5 motivos para nunca parar de estudar sobre construção

Um estudo constante é o que vai te diferenciar frente a todo o mercado da construção. Saiba o por quê. Primeiro: é de conhecimento geral que a quantidade de normas técnicas brasileiras (NBR) da(...)

13 de abril de 2017
Engenharia Civil
Por: Instituto IDD

Tudo sobre industrialização e pré-fabricação na construção civil - Parte III (Final)

Vem saber tudo sobre o assunto com a terceira parte do conteúdo do Professor e Engenheiro Marcus Sterzi, para o IDD News.Ao longo dos próximos meses estarei apresentando assuntos relacio(...)

12 de abril de 2017
Engenharia Civil
Por: Instituto IDD

Sistema de protensão: Todos os fatos que você precisa saber

Conheça os princípios básicos do sistema de protensão e domine o campo das estruturas protendidas! “Esforços compressivos induzidos pelas cordoalhas de a&(...)

06 de abril de 2017
Engenharia Civil
Por: Instituto IDD

Por que amamos as vantagens do concreto permeável (e você também deveria)

Ganhando uma abrangência maior, o material também ganhou novas possibilidades de atuação. O concreto permeável já não é um produto novo do m(...)

05 de abril de 2017
Engenharia Civil
Por: Instituto IDD

Como explicar Retração do Concreto para sua mãe!

Sua visão sobre retração plástica nunca mais será a mesma depois dessa explicação.Para quem trabalha na área de patologia, ou ainda quer atuar, (...)

30 de março de 2017
Engenharia Civil
Por: Instituto IDD

5 motivos para planejar obras com o BIM

Se você ainda tem algum pré-conceito contra a nova tecnologia, é melhor dar uma olhada nisso.Um planejamento de obra tem como seu principal elemento o orçamento ligado ao pr(...)